Por que sua clínica precisa de um sistema de gestão com certificação SBIS/CFM?

Você busca uma melhor colocação no mercado, enquanto atende seus pacientes de forma diferenciada e, por isso, está procurando um software de gestão para sua clínica. Já recebeu indicações de alguns colegas, fez pesquisas na internet, mas ainda não se sente inteiramente seguro quando pensa em contratar uma das opções disponíveis no mercado.

Afinal, a adoção de uma solução totalmente digital impactará significativamente seu empreendimento. Qual a ferramenta auxiliará a conduzir a administração de sua operação, reduzir custos e aumentar seu fluxo de caixa? Qual sistema realmente atenderá suas necessidades, enquanto seu negócio se destaca no setor?

Durante sua busca, encontrou informações sobre a Certificação SBIS/CFM (Sociedade Brasileira de Informática em Saúde – Conselho Federal de Medicina), mas não sabe bem o que o termo significa e nem os benefícios que essa chancela pode trazer ao seu negócio. Pensando nisso, desenvolvemos um material com o intuito de solucionar todas as suas dúvidas sobre o certificado e de ajudar você a conhecer os principais diferenciais de softwares que contam com essa chancela.

A certificação é obrigatória?

Não. No campo da saúde, nenhuma entidade exige que softwares de gestão sejam certificados para operarem e serem comercializados. No entanto, essa chancela funciona como indicador da opinião técnica e qualificada de dois órgãos que buscam melhorar os sistemas de informação no setor e que realmente garantem a confidencialidade de dados médicos do brasileiro. Por isso, durante sua escolha, não se esqueça de que esse é um fator extremamente relevante.

A confiança é realmente garantida?

Um sistema de gestão com certificação SBIS/CFM conta com a melhor estrutura de informações e maior qualificação disponível no mercado. Obviamente, o processo de certificação é extremamente rigoroso, tornando bastante desafiador para as soluções tornarem suas ferramentas seguras em relação à tecnologia enquanto mantém boa navegabilidade.

Outro ponto importante é que o certificado é uma forma de comprovar a maturidade da empresa que desenvolveu o software. Isso demonstra a real cultura de seu negócio, que se adequou a processos pré-estabelecidos que atingem todas as camadas de sua administração.

Para o consumidor, é um bom indicador que a marca a ser contratada é confiável e que pode oferecer um bom serviço. Assim, se a solução segue as normas e recomendações de órgãos respeitados como a Sociedade Brasileira de Informática em Saúde e do Conselho Federal de Medicina fica claro que respeita rigidamente as boas práticas e relações éticas entre médicos, pacientes e outros profissionais. Ou seja, um grande diferencial.

Quando utilizo um sistema de gestão com certificação SBIS/CFM posso ter a certeza que estou totalmente protegido?

A palavra chave do certificado é a credibilidade. Principalmente quando diz respeito a segurança. A chancela comprova que o sistema testado possibilita a total preservação de seus dados e de seus pacientes. Como maior indicativo de segurança em softwares de gestão médica, garante a completa integração de informações, levando em conta práticas de inteligência e protocolos de segurança de ponta.

Desse modo, uma ferramenta certificada impede a criação e proliferação de programas nocivos, possibilitando que você não gaste tempo com preocupações desnecessárias e destine sua energia na administração de sua operação. O que, sem dúvidas, deve ser seu foco principal.

Torna seu negócio fácil, ágil e eficiente

Um dos aspectos realmente interessantes do certificado é que sua chancela garante que você tenha grande facilidade ao lidar com prontuários, histórico de pacientes e visualizações de exames, enquanto tem sua rotina otimizada, o que possibilita produzir mais em menos tempo.

A tecnologia de computação em nuvem auxilia a gerir sua clínica de forma realmente inteligente, fazendo com que diferentes processos de sua clínica sejam automatizados. Isso faz com que você ganhe mais tempo para atividades estratégicas, reduzindo custos e aumentando o faturamento do seu empreendimento.

Cortando o papel, aumentando suas opções

São muitos exemplos de tecnologias que modificaram profundamente a vida do brasileiro. Por que não seguir tal movimento e realizar o controle do seu negócio de modo totalmente digital? A utilização do papel causa muitos entraves no gerenciamento de diversos empreendimentos, inclusive médicos.

Na rotina clínica, por exemplo, o prontuário impresso fica disponível somente a um profissional ao mesmo tempo e está sujeito a problemas, como ilegibilidade, falta de padronização e fragilidade, além de necessitar de amplos espaços físicos de armazenamento. Não seria mais simples fazer uso da computação em nuvem a fim de facilitar seus processos? E é exatamente o que um sistema de gestão com certificação SBIS/CFM oferece ao seu negócio.

Melhorando o ecossistema de saúde brasileiro

Outro ponto que merece destaque é que um dos objetivos principais da certificação SBIS/CFM é melhorar a qualidade dos sistemas de informação em saúde no Brasil. Como isso acontece? As duas entidades desenvolveram requisitos mínimos e obrigatórios para softwares de gestão médica, principalmente relacionados a qualidade e segurança.

Assim, de forma independente, atestam o valor das soluções disponíveis no mercado, estimulando que diversas clínicas, consultórios, laboratórios e hospitais modifiquem suas rotinas operacionais e ofereçam um atendimento mais qualificado.

Desse modo, não restam dúvidas de que a implementação da tecnologia na área da saúde, como por meio dos PEP/RES (Prontuário Eletrônico do Paciente /Registro Eletrônico de Saúde) vem impactando o setor de forma muito positiva, enquanto traz benefícios para médicos, enfermeiros, administradores e pacientes. Por isso, a fim de não se arrepender ao adentrar no mundo digital, nunca se esqueça de se certificar de escolher um sistema de gestão com certificação SBIS/CFM.

E a sua clínica, já conta com um sistema de gestão com certificação SBIS/CFM? Você está preocupado com isso? Deixe seu comentário!

Rafael Américo

Rafael Américo

Rafael trabalha com Inbound Marketing na Vitta, produzindo conteúdos voltados para a geração e nutrição de leads. Jornalista, se especializou em economia, negócios e empreendedorismo. Ama cinema, aprender idiomas e conhecer novas estratégias de comunicação. Quer ajudar a Vitta a mudar a saúde do Brasil! #somostodosvittanos

6 Comments

  • Vítor Gabriel
    27 de setembro

    Como saber que meu sistema tem essa certificação?

  • João Madeira
    27 de setembro

    Um sistema com a certificação SBIS-CFM é mais caro que as outras opções do mercado?

    • Rafael Américo
      27 de setembro

      Oi, João. Não necessariamente. No entanto, na maioria dos casos, vale a pena fazer um investimento um pouco maior e ter a certeza que todas as suas informações (e da sua equipe) estão protegidas!

  • Vinicius Mendes
    27 de setembro

    Se o certificado não é obrigatório, por que é importante comprar um serviço com essa certificação?

    • Rafael Américo
      27 de setembro

      Vinicius, apesar de não ser obrigatória, essa definição comprova a maturidade do sistema escolhido e garante a total preservação de dados e informações inseridos no software. É um fator muito importante!

Deixe o seu comentário