5 passos para tornar sua clínica digital sem gastar muito dinheiro

De acordo com um relatório publicado pela Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD, na sigla em inglês), o Brasil é o quarto país no mundo em pessoas conectadas à internet. Com mais de 120 milhões de usuários, ficamos atrás apenas de EUA, Índia e China.

Esse número ilustra um fato que grande parte dos empresários do ramo da saúde está começando a perceber: é preciso explorar o ambiente digital para melhorar os resultados de uma clínica ou consultório. Mas, como conciliar essa crescente necessidade ao orçamento disponível?

Nesse artigo falaremos exatamente sobre isso! Criar um site, um blog e realizar o monitoramento de redes sociais estão entre as ações baratas e que geram excelentes resultados. Quer saber mais? Então continue lendo o nosso artigo!

1 – Crie um um site

Um dos primeiros passos para tornar sua empresa digital sem gastar muito dinheiro é criar um site. Ele deve ser responsivo (que se adapta ao dispositivo do visitante, como celular, tablet ou notebook), possuir boa navegabilidade e ter um bom conteúdo sobre os procedimentos, equipe técnica e dados de contato.

Existem plataformas e soluções que atendem bem às principais necessidades atuais, como otimização SEO (para mecanismos de busca, como o Google) e oferecem layouts bonitos, sem custos muito altos. Procurar pequenas agências do segmento também pode ser uma boa opção.

Além disso, é importante que você pesquise como criar um blog, uma vez que produzir conteúdos e publicá-los nessa mídia contribui diretamente para que você apareça melhor posicionado nas páginas de resultado do Google. Para isso, um jornalista interno ou uma empresa especialista em produção de conteúdo podem ser boas opções.

2 – Faça um perfil no Google Meu Negócio

O Google é a maior empresa de buscas da internet, a qual – literalmente – bilhões de perguntas são feitas por dia ao site. Dentre elas, questões como “clínica bairro x” ou “especialista em um segmento da saúde na cidade y” são muito comuns. Para ser encontrado mais facilmente por esses potenciais pacientes, é preciso dizer ao Google que a sua empresa existe.

Além de criar um site bem estruturado e com bons conteúdos, uma das principais coisas que você precisa fazer é o perfil no Google Meu Negócio. Uma vez cadastrado, sua clínica aparecerá entre os primeiros resultados sempre que a pessoa buscar por algo relacionado às especialidades que oferece e, também, de acordo com a localização geográfica de quem faz a pesquisa.

A melhor parte dessa ferramenta é que ela é 100% gratuita. Por isso, vale a pena investir tempo para preencher os formulários e informar, dentre outras coisas, o segmento do seu negócio, palavras-chave relacionadas a ele, horário de funcionamento, endereço, dentre outros.

3 – Crie páginas nas principais Redes Sociais

Estar presente no Facebook, Instagram e Twitter também é um importante diferencial. Além de ajudar a sua empresa a ser encontrada por potenciais pacientes, elas também auxiliam no posicionamento da marca e relacionamento com o público-alvo.

Mas, de nada adianta criar as páginas e deixá-las às moscas. Por isso, faça um calendário de publicações a fim de movimentar essas mídias. Uma solução simples para isso pode ser a terceirização desse serviço ou a contratação de um profissional especialista.

Outro ponto que você deve atentar são as redes específicas da área da saúde. Sites como o Doctorália possuem uma grande capacidade de atração de pacientes. Essa ferramenta, assim com outras, oferecem possibilidades de utilização gratuitas e pagas.

4 – Monitoramento de redes sociais

O monitoramento de redes sociais é uma verdadeira carta na manga quando o assunto é a estratégia digital de uma clínica ou consultório. Isso porque ela permite que você monitore palavras-chave ou termos específicos, além de saber o que as pessoas falam espontaneamente do seu negócio.

Os softwares de monitoramento vasculham todos os dados públicos de perfis de uma determinada região – ou de acordo com outros dados, como idade e sexo – para encontrar publicações acerca das palavras-chave interessantes para o seu negócio.

Isso permite, por exemplo, que uma clínica que acabou de abrir uma nova filial em uma determinada cidade do interior saiba o que a população pensa a respeito dela. Ou então, o que os indivíduos dizem em seus próprios murais do Facebook sobre os procedimentos oferecidos.

5 – Permita agendamentos por WhatsApp

Recentemente, o WhatsApp divulgou que está trabalhando em um aplicativo específico voltado para empresas. A novidade é muito importante, uma vez que grande parte dos internautas brasileiros utilizam essa ferramenta de troca de mensagens em seu dia a dia.

Quando você possibilita a marcação de consultas através do WhatsApp, facilita a vida dos potenciais pacientes e aumenta o número de marcações. Além disso, torna mais fácil todo o processo de comunicação entre a sua empresa e o público-alvo.

Todavia, apesar de ser um aplicativo fácil de utilizar e totalmente gratuito, é preciso ter alguns cuidados. Crie uma política de respostas, padronize a linguagem e defina um colaborador – ou equipe – para ficar responsável por essa ferramenta. Esse controle de qualidade deve ser o diferencial do seu negócio!

Tanto criar um site, como criar um blog e fazer o monitoramento de redes sociais são ações que não consomem muito orçamento e possuem uma enorme capacidade de gerar resultados.

A tecnologia oferece outros benefícios para o crescimento do seu negócio, como a geração de relatórios específicos sobre os mais diferentes tópicos. Quer saber mais sobre como os relatórios podem facilitar sua gestão? Então confira esse artigo em nosso blog!

Deixe o seu comentário contando a sua experiência com a digitalização em sua clínica!

Lucas Menezes

Lucas Menezes

Publicitário, autor do livro "Versos e Versões", faz parte da Antologia Poética Brasileira e valoriza a riqueza da cultura nacional. Atualmente, trabalha com Marketing de conteúdo e com estratégias para geração de leads qualificados na Vitta. #somostodosvittanos

2 Comentários

  • Ana Líbero
    4 de dezembro

    Tenho uma clínica focada em psicologia. Quando eu digitalizei o atendimento meus pacientes nunca mais faltaram nas consultas rs

    • Lucas Menezes
      4 de dezembro

      Muito bem, Ana!

Deixe o seu comentário