https://wp.me/p8LUv8-i2
https://wp.me/p8LUv8-i2

Nas faculdades, os estudantes de medicina não têm aulas de empreendedorismo ou de gestão financeira para consultórios. Quando pegam o canudo, os agora médicos formados querem partir para uma nova etapa da vida, que é justamente abrir a própria clínica. Mas poucos têm a noção de que, ao fazerem isso, também estão abrindo uma empresa. Então por que dizemos que médicos são empreendedores natos?

Quer dizer que as habilidades estão lá e que podem, sim, ser desenvolvidas em qualquer profissional da medicina. Então não é porque você não acredita que tenha perfil de líder que você não possa vir a ter o seu próprio negócio.

Mas que habilidades e características são essas que fazem dos médicos empreendedores?

Médicos estão sempre em busca de exemplos

Dizem que, mesmo depois de formados, não podemos nunca parar de estudar. Que dirão os médicos, que estão numa das profissões que mais exigem novos conhecimentos.

A medicina é a ciência das verdades transitórias. Isso significa que, o que hoje pode ser considerado um fato médico, amanhã pode não ser mais. Por isso, médicos precisam estar sempre antenados ao que há de novo em suas respectivas especialidades, e estar sempre em busca de novos estudos, pesquisas e casos de sucesso.

Isso também é essencial para empreendedores.

Médicos evitam cometer erros

Aprender com seus erros e adquirir bagagem para a profissão é uma das características mais valiosas que existem, mas não exatamente para médicos. Afinal, você não pode cometer um erro médico grave para só depois tirar a lição disso, não é mesmo?

Da mesma forma, acontece com os empreendedores. Erros de gestão ou de estratégica podem ser fatais para qualquer empresa que esteja começando. Então o que eles e os próprios médicos fazem? Se espelham nos erros cometidos pelos outros e aprendem o que não fazer antes mesmo de cometerem erros.

Médicos tomam decisões e agem rapidamente

Assim como os empreendedores, faz parte da estratégia do consultório cuidar para que o médico tome sempre a melhor decisão tanto para o negócio quanto para os seus pacientes. Só que uma decisão sem uma ação não é nada. E é justamente nisso que se destacam os empreendedores e por isso eles são tão semelhantes com os médicos.

Tanto um quanto o outro precisam pensar e tomar decisões para que possam agir rapidamente também. Isso é vital para seus respectivos negócios.

Médicos sabem avaliar bem as situações

Antes de tomar uma decisão, porém, médicos que são empreendedores natos pensam e avaliam com muito cuidado cada situação. Eles sabem bem que riscos estão tomando e que benefícios eles podem tirar de determinada ação.

Conhecer a relação custo/benefícios antes de tomar decisões é muito importante para que se mantenha o foco estratégico bem definido, sem mudanças repentinas e nem decisões mal tomadas.